Igor Savitsky (acima) foi um asceta da arte. sua única preocupação era arrumar dinheiro para pagar os artistas e aumentar as verbas do museu que hoje leva seu nome. Morreu em julho de 1984, com os pulmões destroçados pela inalação de vapores de formaldeídeos e metanol, usados na limpeza de peças de cobre.

Artículo publicado en Revista Aventuras na História. Brasil, 2013.

Visita el museo Savitsky.

Anuncios